1/3
“O Parque Bernardo Sayão merece nossa atenção”, diz Robério durante visita
Brasília, Fevereiro de 2021
ASCOM do Deputado Robério Negreiros

Localizado entre as quadras SHIS QI 27 e QI 29 do Lago Sul, na manhã da segunda-feira (8), o Parque Distrital Bernardo Sayão recebeu a visita do deputado Robério Negreiros (PSD), que, acompanhado do presidente do Instituto Brasília Ambiental (Ibram), Cláudio Trinchão, da superintendente do órgão, Rejane Pieratti, a gerente da Unidade de Projetos de Engenharia do Ibram, Maria Clara Falcão, e do administrador do parque, Claudiomir Gonçalves da Silva, estiveram no local para definir prioridades na urbanização e a construção de benfeitorias para agregar maior conforto e comodidade para os visitantes.

press to zoom

press to zoom
1/1

O deputado Robério Negreiros é um defensor do meio ambiente e entende que o Parque Bernardo Sayão merece atenção de todos nós por se tratar de uma importante área de preservação de espécies da fauna e flora nativas do Cerrado. “ O Parque Distrital Bernardo Sayão, além de ser um ecossistema rico, cravado no coração do Cerrado, é um local que possibilita a prática de esporte e lazer ao ar livre, bem como o convívio social. Preocupado com a preservação da área demarcada da localidade, vou destinar R$ 1,5 milhão em emendas parlamentares ao Ibram, para a construção do cercamento em alambrado especial para a localidade, dentre outras melhorias que irão atender aos anseios das comunidades do Jardim Botânico e do Lago Sul e trazer mais segurança aos frequentadores", destaca Robério.

 

De acordo com o presidente do Ibram, Cláudio Trinchão o Brasília Ambiental já está trabalhando para viabilização de projetos de infraestrutura na Unidade de Conservação. “É muito importante destacar que, além das ações com foco, como a construção do alambrado, O Ibram vem atuando ativamente na preservação do local”, disse o presidente.

 

A superintendente do Ibram, Rejane Pieratti, entende que as emendas destinadas por parlamentares são sempre muito importantes para as Unidades de Conservação. “Os recursos proporcionam melhorias que beneficiam a população e, principalmente, garantem a conservação ambiental ao conciliar os espaços que podem ser utilizados com as áreas que devem ser preservadas para manter a biodiversidade”, defendeu Rejane.

Estrada na QI 27 do Lago Sul

Nos últimos anos, conforme informações do gabinete do deputado Robério Negreiros (PSD), oficiamos IBRAM, Novacap, Terracap, Procuradoria Geral do DF, Vara do Meio Ambiente, DETRAN e DER para que dentro da competência de cada órgão adotassem as providências para preservação do local, calçadas e cercamentos, além de defender a liberação da pista interditada.

1/1