Diga não ao sedentarismo na quarentena 
CORPO EM MOVIMENTO  |  Com Tom Mendes, Personal Trainer e Consultor (Cref-DF/G:00081)

Para quem tinha o hábito de praticar exercícios regularmente, caminhando ou jogando uma pelada ou jogando tênis ou vôlei ou ainda tantas outras práticas, deve estar incomodado e até mesmo angustiado por ter tido sua rotina interrompida.


Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), quase metade da população brasileira, (47%) não pratica o mínimo de exercícios para manter o corpo saúdavel. O recomendado pela instituição é de 150 minutos de práticas por semana. Diante desse panorama, o país lidera o ranking de sedentarismo da América Latina e é o quinto mais sedentário do mundo.  


Diante desse cenário, a população precisa encontrar motivação e atitude para voltar a treinar ou mesmo iniciar um exercício. Uma das alternativas seria adaptar o treino rotineiro (já usado na sua academia/Studio) e usar gadgets esportivos existentes no mercado para monitorar e guiar a evolução. Para quem está iniciando, procure fazer caminhadas ou pedaladas em bicicletas ergométricas e aposte em diversas modalidades, como flexões, abdominais, circuitos e sempre acompanhado e/ou orientado por um profissional de educação física. 


É importante pensarmos que precisamos nos manter ativos nos exercícios para nos mantermos saudáveis, sem ansiedade e sem depressão. A atividade física, além de nos proporcionar felicidade, nos ajuda na melhora da imunidade.

_ _

"A harmonia do seu corpo, depende da qualidade dos seus hábitos".

Fonte: Tomas Camargos, sócio fundador VIK

© 2020 Jornal Lago Notícias, de Brasília - Todos os direitos reservados.